Esmalte do dia: Infância colorida

3 out

Esmalte sempre foi um dos produtos mais usados pelas mulheres.  Unhas bem feitas, mãos macias e bem hidratadas despertam a atenção de qualquer pessoa.  Entretanto, eles também são os preferidos de muitas meninas que acham divertido e sentem-se mais up to date com as unhas pintadas, especialmente com cores vivas.

Mãe, quando eu vou poder usar esmalte colorido?”, perguntou minha filha.  Confesso que me pegou de surpresa.   Sempre usei esmaltes clarinhos.  Comecei a ir à manicure por volta dos 13, 14 anos de idade…adorava estar com as unhas bem feitas e bonitas para sair com minhas amigas no final de semana.  Mas agora a questão era outra…minha filha quase pré-adolescente estava me pedindo para usar esmalte colorido.  As adolescentes ficam lindas com seus esmaltes coloridos, mas para uma menina mais nova…Não seria cedo demais? 

Pedi um tempo para pensar e “pesquisar” sobre o assunto.  Comecei então a observar com um olhar mais atento todas as mãozinhas que via pela frente: na escola, família, no parque e, também em revistas teen.  Conversei com outras mães, terapeutas e pessoas mais velhas.  Minha preocupação era não pular etapas na educação da minha filha.  Entretanto, era preciso me posicionar com uma mente mais aberta diante de novos valores…

As crianças estão sendo expostas a uma mídia que exalta a beleza, e isso acaba influenciando essa geração de meninas.  A infância, hoje em dia, está menor porque as crianças querem se transformar em adolescentes logo; em contra-partida, a adolescência está aumentando.  Por isso é fundamental estimular a criança a ser criança, brincar e se divertir muito.  

Tenho visto, cada vez com mais freqüência, meninas pequenininhas muito produzidas.   Ontem mesmo, entrei numa loja infantil e vi uma bebê no carrinho.  Quando me aproximei para pegar um produto, vi as unhas minúsculas dela pintadas de vermelho!  A criança não tinha mais que dois aninhos.  Acho isso desnecessário, primeiro porque a criança não entende nada;  segundo porque esse incentivo da mãe poderá repercutir de maneira negativa lá na frente.  É inconsequente sensualizar as crianças desde cedo. 

Não sou contra estimular a vaidade natural das meninas.  Aprender a se cuidar é sinal de carinho e respeito com elas mesmas, porém sem excesso.  Imagine alguém deixar de brincar porque as unhas estão feitas, ou não pular na piscina para não estragar o cabelo.  Lembro na minha adolescência de ter acabado de secar o cabelo.  Ele estava liso e bem hidratado; lindo.  De repente minha irmã entrou no quarto correndo e me chamou para pular  na piscina…  A noite estava linda e, minhas amigas tinham acabado de chegar… Não pensei duas vezes.

Com jogo de cintura, sinceridade e uma boa conversa, a gente consegue fazer com que nossas filhas entendam determinados valores, essenciais para suas vidas..

Passado pouco tempo, minha filha e eu saímos juntas.  Sem que ela soubesse qual seria o nosso destino, paramos em frente a uma perfumaria…  Seus olhinhos brilharam imediatamente;  um sorriso fortuito surgiu em seus lábios assim que ela viu a prateleira repleta de esmaltes coloridos.   Impossível não lembrar essa emoção.  Entre vários vidrinhos e muitas opções de cores passamos um tempo mágico e delicioso escolhendo a cor que mais combinava com ela, e com aquele momento.   Minha filhota saiu de lá com uma sacolinha contendo um “rosa chiclete” e “algodão doce”; esta é uma opção mais clarinha.  Os tons mais escuros nem sempre destacam e combinam com a doçura e a beleza das meninas pré-adolescentes.

Para o aniversário da minha filhota, fizemos saquinhos coloridos de organza e, dentro dele colocamos vidrinhos pequenos de esmaltes de várias cores, junto com mini lixinhas para distribuir entre as amigas.  Foi um sucesso!

Para as crianças ainda menores, há algumas marcas que desenvolveram esmaltes atóxicos, pois esmaltes comuns podem causar alergia e contém substâncias químicas que podem ser prejudiciais às crianças.  Pensando no dia das crianças, uma sugestão bacana são os esmaltes para esse público infantil.

A Piggy Paint é uma marca americana criada por uma mãe de duas meninas pequenas.  A marca é conhecida pela diversidade de cores e responsabilidade com as crianças.  São produtos a base água, atóxicos e inodoros.  No Brasil, a nova coleção de esmaltes da turma da Monica Jovem – TMJ acabou de lançar 17 novos tons, além dos oito já existentes.  A Impala também criou uma cartela com cores lindas.

Piggy Paint

TMJ

Impala Kids

Dicas para meninas:

  • Não deixe de brincar para não estragar o esmalte.  Meninas, sejam crianças!
  • Quando o esmalte começar a sair, tire o restante imediatamente.  Esmalte descascado fica feio e, fora de moda
  • Ir à manicure é muito bom, mas não deixe que isso vire uma obrigatoriedade para você, que ainda é criança
  • Use e abuse das cores vivas e das clarinhas; evite as escuras.  Você terá muito tempo para usá-las
  • Curta essa brincadeira de unhas coloridas.  Esse momento é único!

Leia também:  Meninas: Beleza & Insegurança

Anúncios

5 Respostas to “Esmalte do dia: Infância colorida”

  1. Cici Lora outubro 5, 2011 às 11:01 #

    Muito oportuno e educativo o seu artigo. Eh importante que as mães se lembrem de que um esmalte vermelho, um batom e roupas com cara de adulto tem um significado e consequências muito alem de simples vaidade ou mudança no visual. Criancas precisam ser criancas, mas parece que hoje em dia a maioria das mães de esqueceram disso.

    • Cristina Cipolla outubro 5, 2011 às 11:28 #

      Cici querida,
      Que bom receber seu comentário!
      Concordo com o que disse, é preciso viver cada experiència no seu tempo. Nada de antecipar ou pular etapas. Tenho observado que o resultado dessa “troca de valores”, definitivamente não tem agregado em uma boa formação.
      Ver uma criança crescer e se desenvolver (no devbido tempo) é um valor precioso!
      Bjs

  2. Pitty outubro 3, 2011 às 20:37 #

    Adorei mãe… agora que penssei em tudo isso, é verdade, vc me pediu um tempo pra penssar! hsauhsauhs
    Vou sempre estar aqui acompanhando tudo e.. obrigada por me educar tão bem assim (: isso fara uma grande diferença na minha vida!

    • Cristina Cipolla outubro 4, 2011 às 17:07 #

      Que surpresa boa minha fofucha!!! Amei seu comentário!
      Pois é, escrevi esse post pensando na nossa experiência 🙂 O tempo foi essencial para minha decisão rs
      Beijo grande meu amor!
      Continue “Conectada” aqui no blog

      • Pitty outubro 6, 2011 às 18:14 #

        shauhusa pode deichar mãe (:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: