A Marcha das Vadias: My dress is NOT a yes!

7 jun

A Slutwalk surgiu em Toronto em abril, após um policial sugerir durante uma palestra sobre segurança, num campus de uma universidade, que as alunas deveriam evitar se vestir como vagabundas (“slut”);  para não serem vítimas de abuso sexual  ou estupro.  Formou-se então um movimento que ganhou força na internet e está ganhando repercussão mundial.

O evento é um protesto pelo direito da mulher de se vestir, agir e andar de forma livre.   Existe uma cultura de que a culpa da violência é sempre da vítima. A idéia de que a mulher está “pedindo” para ser violentada por se vestir de tal maneira: decotes, mini saias, roupas justas…é surreal.  Como se esse perfil fosse o único alvo desses homens.  E não mulheres de todas as idades, padrões de beleza, que usam diferentes tipos de roupa do mais sensual ao mais recatado, por exemplo.

A questão é: nada justifica um ato de violência sexual!

Boston Slutwalk 2011. Foto de Nina Mashurova no Flickr, em CC

A primeira edição da marcha reuniu em Toronto, mais de três mil mulheres.  No Brasil,  aconteceu em São Paulo, no último final de semana sua primeira edição.  O movimento está previsto para acontecer também em Brasília e em Belo Horizonte.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: